Heloisa Buarque na Universidade de Miami

Atualizado em 17 de setembro | 9:21 AM

A professora Heloisa Buarque vai falar sobre “O intelectual e a periferia”, nesta quarta, 18 de setembro, a partir das 15h30, no Dept. of Modern Languages & Literatures, da Universidade de Miami. O evento, organizado pelo departamento e pelo Center for Latin American Studies, é parte da série de palestras Miami Consortium’s Foreign Languages Across the Curriculum (FLAC).

 

Continue lendo »

Estéticas das periferias: Heloisa Buarque de Hollanda participa de encontro sobre cultura periférica

Atualizado em 29 de agosto | 8:56 AM

 

Com shows, exposições e rodas de conversa, o Encontro Estéticas das Periferias chega à sua terceira edição ocupando os mais diferentes espaços da cidade de São Paulo. Entre os dias 27 de agosto (terça-feira) e 01 de setembro (domingo), mais de 200 atrações acontecem em 42 espaços culturais – 39 deles estão em regiões periféricas e suburbanas.

“Este processo de expansão começou na edição passada, conseguimos ampliá-lo por meio das parcerias com a Secretaria Municipal de Educação e a Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, com suas programações destinadas aos 16 CEUs [Centros de Educação Unificados] e as oito Fábricas de Cultura, todos nas periferias da cidade. Sem mencionar as agendas do circuito de bibliotecas e do Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso”, comenta o coordenador da área de Cultura da Ação Educativa, Antônio Eleilson Leite.

Todas as atrações foram organizadas a partir de quatro eixos curatoriais: Direito à Cidade; Culturas Negras; Cultura de Paz e Produção e Difusão da Cultura de Periferia. Também haverá debates com foco nos processos criativos. O objetivo é que os artistas das periferias façam uma reflexão sobre as suas concepções estéticas e que o público possa ter acesso ao percurso imaginativo que dá sentido às obras de arte produzidas nas quebradas.

Continue lendo »

Periferias Literárias

Atualizado em 19 de agosto | 12:02 AM

Heloisa Buarque de Hollanda
Coordenação

Apresentação

As questões centro-periferia, global-local, inclusão-exclusão, e tantas outras relacionadas às novas lógicas dos processos de globalização em curso, vêm se constituindo como os problemas centrais da economia, da política e da cultura deste século XXI.

Neste quadro de preocupações, pretendo definir como objeto e campo de pesquisa deste projeto, o tema periferias literárias a partir de duas perspectivas distintas: a que vai pensar a literatura brasileira e latino americana no quadro dos novos mercados transnacionais e a que vai pensar a produção literária e artística das periferias dos grandes centros urbanos no Brasil.

Essas duas abordagens não são tão diversas ou abrangentes quanto poderiam parecer. As respostas e reações culturais emergentes nos países, digamos, “excluídos” (ou quase) dos mercados simbólicos globais não estão se mostrando muito diferentes das respostas e do ativismo artístico e social das periferias urbanas diante da cultura canônica e da cultura de mercado. O fato é que em ambos os casos, estas reações são estruturalmente críticas e inovadoras, trazendo para o centro da cena intelectual interpelações de fundo no que se refere aos modelos e valores da epistemologia e da produção artística modernas.

O momento atual é, por isso, particularmente estimulante e a análise destas manifestações em processo trazem a vantagem de experimentar possíveis modelos de reflexão mais operacionais do que aqueles, de um pensamento e de uma cultura crítica e teórica que se expressam, com certa negatividade, ao analisar a “crise dos paradigmas”.

Continue lendo »